15 de out de 2017

Luiz Escañuela além do Realismo


A arte está em quase tudo que temos contato, seja de forma explícita, desconhecida ou discreta. Em tempos conturbados acabamos fechando os olhos para o que tem a nossa volta.

 


Escañuela, artista brasileiro que nos transporta além da tinta e tela. O Realismo nas obras dele possui uma delicadeza minuciosa, uma sensibilidade forte e comovente ao conjunto todo, além de bastante influência com a sétima arte e questões sociais. A sensibilidade e talento fazem parte de toda a composição artística dele.

Desde criança o libriano, 7 de outubro, integra o mundo artístico aperfeiçoando sua arte, coletando mais conceitos e histórias para depositar em seus trabalhos. A influência do mundo fora de sua mente estão presentes nos desenhos, pinturas. A preservação cultural é materializada, renovando nossa percepção.


Os olhares profundos e densos nos observam e parecem nos decifrar enquanto numa exposição seria o contrário, um pequeno paradoxo. A luz e sombra num jogo intenso misturadas com as cores, tudo numa narrativa tão intensa e poética. Um grito dentro de uma tela.

Pessoas comuns, trabalhadores, o rosto do nosso Brasil, a luta diária, o cansaço. Os retratos nos demonstram sensações, representatividades, nos relatam sobre pessoas, sentimentos, sobre humanidade. Períodos que percorrem, o comum, a juventude, a velhice. Nosso corpo físico em transição, as marcas físicas e psicológicas que ficam em nós. Somos instalações com validade neste mundo.


A vivacidade nas obras nos provocam, a carga cultural no instiga com a nostalgia, a conversão do realismo para o estado físico trabalha no nosso ilusório. Os autorretratos são reflexos de suas obras, expressivos.


Poderia escrever um monólogo de tamanha admiração e encantamento que as obras dele causaram em mim, mas me perco nas palavras e tornou-se impossível encontrar um único adjetivo para elogiá-lo. Os signos percorrem na linguagem corporal retratada, perspectivas jogadas na maré, nos deixando à deriva no nosso subjetivo.


Vale a pena uma conferida em alguns de seus trabalhos e nas redes sociais dele. (Ele atualiza as redes sociais com as novas obras e informações, como duração, material etc.)
























Nenhum comentário:

Postar um comentário